sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

Alerta - Não entre nesta cabana...



O artigo que segue abaixo é de autoria do Dr. Michael Youssef, pastor da Igreja dos Apóstolos em Atlanta, Geórgia. É um alerta, para os menos avisados, da sutileza do engano de que a “quase verdade” é muito mais perigosa que a própria mentira.

Deus abençoe você com este alerta e esclarecimento!

Paz e bênçãos...

Deivinson Bignon

Lançando Luz sobre o livro “A Cabana”

Depois de ler a popular ficção, “A Cabana”, é necessário trazer à luz alguns de seus erros. O romance é sobre um homem cuja filha foi assassinada brutalmente. Três anos depois desta tragédia, ele recebe um convite para se encontrar com a santa trindade na mesma cabana onde sua filha foi morta.

Cada membro da trindade aparece em forma física. Deus, o Pai, aparece como uma maternal mulher afro-americana que está sempre na cozinha cozinhando. Jesus é um homem oriental de meia idade vestido com uma camisa de tecido colorido com um cinto de multiuso em sua cintura. O Espírito Santo é uma delicada mulher asiática que adora jardinagem.

O Espírito Santo descrito no romance declara que o grande mal do homem é sua independência de Deus, sendo que o próprio autor promova esta independência em seu livro, substituindo o Deus da Escritura com um deus com bem pouca semelhança com o Verdadeiro.

O autor de A Cabana também zomba da importância e singularidade da Bíblia. Ele torna a Bíblia no que quer que sua imaginação pessoal conceba a respeito de Deus.

Houve sempre um único plano para a nossa redenção. Um plano de Deus revelado nas páginas do Antigo Testamento, e completamente revelado através de Seu Filho Jesus Cristo. Por sua morte e ressurreição Jesus pagou a punição pelo pecado – trazendo libertação a todo aquele que coloca sua confiança nEle.

A pergunta a fazer a si mesmo é esta: Estou disposto a aceitar o dom da vida eterna de Deus como revelado na Escritura? Sua vida eterna dependerá de como responderá a esta pergunta.

Não seja levado por todo vento de doutrina, ou por suas emoções. Deixe que a sua mente seja o termostato que regula a temperatura de suas emoções. Não se iluda por descrições calorosas e não muito claras, quando toda a revelação de Deus pode ser encontrada em Seu livro – A Bíblia.


13 heresias encontradas no livro “A Cabana”

1. Deus o Pai, foi crucificado com Jesus.

Porque os olhos de Deus são puros e não pode considerar o pecado, a Bíblia diz que Deus não considerou Seu próprio Filho amado quando foi pregado na cruz, carregando nossos pecados. (Habacuque 1:13; Mateus 27:45).

2. Deus é limitado em Seu amor e não pode praticar a justiça.

A Bíblia declara que o amor de Deus e Sua justiça são os dois lados da mesma moeda – igualmente partes da personalidade e do caráter de Deus (Isaías 61:8; Oséias 2:19).

3. Na cruz, Deus perdoou toda a humanidade, esteja ela arrependida ou não.

Alguns escolheram um relacionamento com Ele, mas Ele perdoa a todos sem levar isso em conta. Jesus declarou que somente aqueles que vêm até Ele serão salvos (João 14:6)

4. Estruturas hierárquicas, sejam na igreja ou no governo, são perversas.

Nosso Deus é um Deus de ordem (Jó 25:2).

5. Deus nunca irá julgar as pessoas por seus pecados.

A Palavra de Deus repetidamente convida as pessoas para que fujam do julgamento de Deus crendo em Jesus Cristo Seu Filho (Romanos 2:16; II Timóteo 4:1-3).

6. Não há uma estrutura hierárquica na divindade, apenas um círculo de unidade.

A Bíblia diz que Jesus submeteu-se à vontade do Pai. Isso não significa que uma Pessoa seja maior ou melhor que a outra; apenas única. Jesus disse: “Porque eu desci do céu, não para fazer a minha vontade, mas a vontade daquele que me enviou.” Jesus também disse: “eu vos enviarei da parte do Pai, o Espírito da verdade” (João 4:34; 6:44; 14:26; 15:26).

7. Deus se submete aos desejos e escolhas humanas.

Longe de Deus submeter-se a nós. Jesus disse, “Estreito é o caminho que nos conduz à vida eterna”. Nós é quem devemos nos submeter a Ele em todas as coisas

8. A justiça jamais ocorrerá por causa do amor

A bíblia ensina que quando o amor de Deus é rejeitado, e quando o oferecimento da salvação e do perdão é rejeitado, a justiça precisa ocorrer senão Deus terá enviado Jesus Cristo para morrer numa cruz para nada (Mateus 12:20; Romanos 3:25-26).

9. Não existe essa coisa de julgamento eterno ou tormento no inferno.

A própria descrição de Jesus a respeito do inferno é vivida...não pode ser negada (Lucas 12:5; 16:23).

10. Jesus está andando com todas as pessoas por seus diferentes caminhos a Deus, e não importa de que modo você chegue a Ele.

Jesus disse, “Eu sou o caminho, e a verdade e a vida, ninguém vem ao Pai senão por mim” (João 14:6).

11. Jesus está constantemente sendo transformado juntamente conosco.

Jesus que habita no esplendor do céu, está sentado à mão direita de Deus, reinando e governando o universo. A Bíblia diz, “Jesus Cristo é o mesmo, ontem, e hoje, e eternamente”. (Hebreus 13:8; Tiago 1:17).

12. Não há necessidade de fé ou reconciliação com Deus porque todos farão isso no céu.

Jesus disse, “todo aquele que nele crê tenha a vida eterna.” (João 3:15; 3:36; 5:24; 6:40).

13. A Bíblia não é a verdade, porque reduz Deus ao papel.

A Bíblia é o fôlego de Deus. Com certeza, muitos homens em cerca de 1600 anos que colocaram a caneta no papel (por assim dizer), cada um com diferentes profissões e diferentes contextos, mas o Espírito Santo inspirou a obra deles com as palavras de Deus. Estes homens escreveram a mesma mensagem de Gênesis ao Apocalipse.

(Extraído do blog "recadosdoceu")