domingo, 20 de novembro de 2011

Após briga em jogo, Kaká dá testemunho dentro e fora do campo


O segundo jogo da super Copa Espanha ganhou as manchetes de jornais, não somente pela vitória do FC Barcelona mas também pela briga entre os jogadores do Real Madri e Barcelona.
A confusão começou após uma entrada dura do meia brasileiro Marcelo Fabregas Barca, que envolveu a expulsão do jogador do Real, durante a briga que se formou, havia outros tipos de ataques, como os trocados entre Mourinho e assistente de treinador do Barcelona, &S203;&S203;Tito Vilanova.
Em meio as brigas ocorridas no jogo passou desapercebido que um jogador do Real Madrid queria ficar longe da confusão: Kaká.
De fé evangélica, Kaká sempre deu um bom testemunho do seu comportamento sobre o seu espírito esportivo dentro e fora docampo. Ele sempre procura nunca agredir um adversário e mesmo passando por um período onde seu futebol estava muito ruim desde sua chegada ao Real Madrid, seu comportamento não mudou.


Uma das provas é o testemunho público do jogador de não querer participar do tumulto que estavam acontecendo em campo e preferindo ficar fora de toda a violência gerada pela confusão.


Kaká deixou a imagem de um testemunho cristão por estar a favor do respeito e contra a violência. Um exemplo, certamente para todos os atletas e não atletas, um testemunho de não a violência e muito respeito ao próximo.

extraido www.guiame.com.br