sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Daí-lhes vós mesmo de Comer

Evangelismo – Três Realidades Importantes

O que realmente é evangelismo

Um imperativo (ordem expressa) divino ( Mc. 16.15 Mt 28:18-20)

É a igreja saindo em busca dos perdidos

É libertar o homem das garras de satanás, do mundo do pecado

É levar a bíblia as almas famintas

É libertar pela pregação do evangelho, tanto o espírito, como a alma e o corpo do homem

É o cumprimento fiel de Atos 1:8

É o testemunho pessoal vivido e positivo

É enfim, alegria nos céus, e a suprema necessidade do homem, pois através da ação evangelística, ele volta-se para Deus.

A necessidade do evangelismo

A explosão demográfica – hoje seis bilhões de almas

A violência e a criminalidade urbana crescente

A proliferação explosiva das seitas satânicas, dos cultos orientais, do ocultismo e do espiritismo, e tatos outros ismos

A imoralidade multiplicada os meios de comunicação

O alcoolismo, as drogas que matam o jogo que campeia

O matrimônio cada vez mais miado e ameaçado;

O esfriamento de milhares de evangélicos;

O crescente número de suicídios em todo o mudo;

A juventude rebelde dominada pelo rock, drogas e etc.

A explosão das religiões tais como islamismo, budismo, xintoísmo, confucionismo, etc, e o número de ateus cada vez maiores;

Porém a maior necessidade da propagação do evangelho redentor é a fome espiritual do homem caracterizada pelas inúmeras novas religiões, e essa fome, só mitigada com o pão da vida – CRISTO

A visão celestial de João 4-35

Erguei vossos olhos e vede os campos...

Os campos abandonados apodrecem a espera dos ceifeiros

“Eu vos enviei para ceifar... (Jo 4-38)

Paulo... Não fui desobediente a visão celestial (At 26-l9)

Isaias “Eis-me aqui envia-me a mim” (Jo. 4:38)

Evangelismo é, pois o imperativo definido, uma necessidade urgente e uma tarefa para a igreja.