terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Resgatando o casamento #3 Casamento, Instrumento de Aperfeiçoamento




O casamento tem muito valor diante de Deus por vários motivos: Porque simboliza a união de Cristo e sua Igreja; Para que o homem não esteja só; Para dar continuidade à descendência e um grande instrumento para nos aperfeiçoar como pessoas, como cristãos. Um ótimo lugar para vivermos o evangelho.

A convivência a dois é tremenda. Há muitas alegrias, muito amor. É um relacionamento entre duas pessoas que deve trazer a elas muita felicidade. Porém, não é só isso. No casamento também acontecem conflitos, dificuldades, lutas, mas, que não devem tirar a beleza da vida a dois, porém, serem interpretadas de uma forma positiva. É sobre isso que vamos falar um pouco.

As dificuldades no casamento ocorrem devido aos seus defeitos e os de seu cônjuge e por circunstâncias que fogem o domínio de vocês. Esses motivos que realmente são os instrumentos usados por Deus para lhe aperfeiçoar.

Com certeza sua maior dificuldade são os defeitos de seu cônjuge. Ele age de tantas formas que você não se agrada e deixa de fazer outras tantas que lhe agradaria bastante. O que você espera que ele faça, ele não faz, porém, o que você mais detesta ele faz. Veja bem, é neste exato momento que você deve exercitar o que tem aprendido na Palavra de Deus. É através dos defeitos de seu cônjuge que Deus quer que você exercite o amor, a paciência, a mansidão, o de dar a outra face, a obediência, a humildade. E nisso o Senhor trabalha em você, moldando-o com o caráter de Cristo. Quando você chega no limite de sua paciência, então entra em ação a paciência de Deus. Quando você chega no limite de sua tolerância, então entra o amor de Deus. Quando você chega em seu limite, seja qual for a área, então você se depara com a decisão de escolher o caminho estreito ou o largo. Sair da teoria, das pregações, da letra, do falar e ir para a prática de tudo que você tem ouvido, falado e pregado, ir para a cruz. É uma escolha. E quando você escolhe a vontade de Deus você é aperfeiçoado e o Espírito Santo manifesta-se através de você. Quais escolhas você tem feito? As da carne ou do Espírito? É no casamento que revela seu nível espiritual, pois, onde mais existem tantos momentos "oportunos"de se colocar em prática a obediência?

Jesus passou por isso. Ele convivia diariamente com os discípulos e cada um tinha suas fraquezas.

E a Bíblia nos diz que o Senhor os amou até o fim. Ele foi aperfeiçoado pelas coisas que sofreu, e algumas delas foi continuar em obediência à vontade de Deus mesmo recebendo traições, dúvidas a respeito de si mesmo, abandono e rejeição daqueles que andaram com Ele. A reação do Senhor era de lavar os pés de seus discípulos; servi-los, amá-los, ensina-los, perdoa-los... E a recompensa de toda a obediência de Jesus Cristo foi a vitória completa, Seu Nome ser acima de todo nome, Deus O exaltou sobremaneira. Para seguir a Jesus você precisa se negar e começa pela sua casa. É muito fácil amarmos àqueles que não moram conosco e também não precisam nos suportar.

Aproveite sua casa para exercitar princípios bíblicos que você, talvez, não terá oportunidade de exercitar em outro lugar. Se deixe ser tratado por Deus. Em vez de contender, separar, revidar, humilhe-se, negue-se e obedeça a seu Senhor.

Claro, que não estou justificando os erros de seu cônjuge, mas lhe digo que só o Espírito de Deus convence o homem do pecado, do juízo e da justiça. Até nisso você é aperfeiçoado pelos erros dele, pois, o estimula, se você realmente entendeu que é o Senhor que convence, a buscar mais a Deus para a cura e libertação de seu cônjuge.

Percebeu que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus e são chamados segundo o Seu propósito? Agindo você assim, em obediência, receberá muito mais da presença de Deus e de suas bênçãos espirituais, matrimoniais, emocionais e até materiais. Experimente!

Elenir F. L. Campos