segunda-feira, 18 de junho de 2012

Exército nigeriano prende membros do Boko Haram


O exército nigeriano conseguiu prender membros do grupo islâmico Boko Haram que estava realizando ataques em três aldeias de Abuja, na Nigéria, tendo como alvo os cristãos daquela região.

Os militantes extremistas mataram dez pessoas, entre eles um pastor cristão que morava em uma das aldeias, dois grupos foram presos e nove islâmicos morreram no confronto com a força militar.

Esse confronto aconteceu quando os integrantes do Boko Haram tentaram destruir uma delegacia, um banco e a casa de um dos chefes da polícia dentro da área de administração municipal de Wada de Tudun, mas a tentativa foi fracassada pelos oficiais do exército.

O armamento usado para atacar as aldeias foi capturado pelas autoridades, os militantes usavam um AK 47, rifes e outras armas de fogo. Uma igreja evangélica foi alvo desses grupos que incendiaram os instrumentos musicais da aldeia e mataram dois cristãos. Outros três homens foram mortos em outra aldeia, segundo informaram investigadores de direitos humanos.

Esse grupo extremista tem atacado os cristãos do norte da Nigéria para tentar instalar um estado islâmico na região, forçando os cristãos a se mudarem do país ou passarem para a região sul do país.

Traduzido e adaptado de BjNewLife