sábado, 17 de novembro de 2012

Audiência sobre a “cura gay” reúne Marisa Lobo, Silas Malafaia e Toni Reis com o presidente Conselho Federal de Psicologia Humberto Verona.


Audiência sobre a “cura gay” reúne Marisa Lobo, Silas Malafaia e Toni Reis com o presidente Conselho Federal de Psicologia Humberto VeronaA Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados vai promover no próximo dia 27 uma Audiência Pública para discutir o Projeto de Decreto Legislativo 234/2011 proposto pelo deputado João Campos (PSDB-GO).
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Apelidado de “projeto da cura gay”, o projeto de Campos tenta sustar partes da Resolução do Conselho Federal de Psicologia que falam sobre a relação do profissional de psicologia quanto à orientação sexual de seus pacientes.
Entre os convidados para a audiência está Marisa Lobo, escritora e psicóloga com especialização em psicologia da sexualidade, presidente do corpo de psicologia pró família e integrante da ABEXGLBTT (Associação Brasileira de Ex Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais).
De acordo com Marisa, a última audiência sobre o tema foi tumultuada, e houve confronto, entre os manifestantes gays contra ela, com cartazes com os dizeres “Marisa cura meu heteroxessualismo”, frase tema de uma campanha que movimentou o Twitter, quando foi lançada pelos opositores da psicóloga.
Além da psicóloga, estarão presentes na audiência o pastor Silas Malafaia, líder da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo; Humberto Cota Verona, presidente do Conselho Federal de Psicologia e Toni Reis, presidente da Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais.
A audiência será realizada no dia 27 de novembro, terça-feira, às 14:30 horas, no Plenário 07 do Anexo II da Câmara dos Deputados.
De acordo com o convite oficial da Audiência Pública, o objetivo do evento será “discutir o Projeto de Decreto Legislativo 234/2011, que visa sustar a aplicação do Parágrafo Único do Artigo 3º e Artigo 4º da Resolução do Conselho Federal de Psicologia nº1, de 23 de março de 1999, que estabelece normas de atuação para os psicólogos em relação a questão da orientação sexual”.

Por Dan Martins, para o Gospel+