sábado, 29 de dezembro de 2012

Homem armado com Bíblia Sagrada foi morto pela Polícia em Avaré



Morto pela polícia militar em Avaré
Na noite da última quinta-feira, 26, um homem armado com uma bíblia foi abordado pela policia militar e foi morto com um tiro no pescoço.
Por volta das 19:50hs, durante patrulhamento de rotina, Antonio Marcos dos Santos, de 42 anos, gari da prefeitura municipal de Avaré, foi abordado na Rua Félix Fagundes, na altura do número 934, bairro Bonsucesso, pelos policiais da Força Tática, cabo João Samir de Oliveira e sargento Carlos Piagentino da Silva.

Segundo o boletim de ocorrência elaborado pela Polícia Civil, após a abordagem, o cabo pediu ao homem que levantasse as mãos por diversas vezes e com um movimento parecendo que ia retirar uma arma, e temendo pela sua segurança, o policial não hesitou e atirou, atingindo Antonio Marcos no pescoço.
O gari foi socorrido ao PS mas devido a gravidade do ferimento faleceu antes de ser atendido pelos médicos de plantão.
O policial João Samir, foi conduzido pelo tenente Plablo ao plantão policial onde foi dado voz de prisão em flagrante por homicídio doloso e posteriormente conduzido ao presídio militar Romão Gomes, em São Paulo, onde ficará a disposição da justiça. O 2º DP de Avaré investiga o caso.
NOTA DA REDAÇÃO

Desta vez nem mesmo a Bíblia Sagrada pode salvar a vida de um cristão do despreparo da polícia. Com baixos salários e sem nenhum respaldo das autoridades responsáveis pela corporação mais de 100 policias já morreram no estado de São Paulo este ano e centenas de civis, inocentes ou não, foram vítimas da brutalidade e do despreparo da polícia.
Aonde vamos parar não sabemos, no entanto, a população não sabe quem é mais perigoso, a polícia ou os foras da lei.

Fonte: Folha Avaré